A Bíblia não é um simples livro. Ela é uma biblioteca de 73 livros. Eles são bem diferentes uns dos outros, têm os mais diversos estilos, foram escritos em épocas muito distantes e em situações muito diferentes.


É necessário um Plano de leitura. No início, há muita coisa que não se entende, o que é muito natural. Até na leitura de um romance acontece isso. Não pare por causa disso, prossiga, à medida que se vai lendo, as coisas vão se esclarescendo umas às outras. É uma regra de ouro: a Bíblia se explica por si mesma. Por isso é tão importante um plano de leitura.


Existem vários planos de leitura. Todos eles são bons, porque se baseiam num princípio. Apresento aqui um determinado plano. Ele se destina àqueles que desejam começar a ler a Bíblia e não têm outros recursos a não ser conhecer a Bíblia através dela mesma. Siga a ordem indicada aqui, ela faz parte do método.


Plano de leitura do Novo Testamento


1. 1ª Carta de São João. (2 vezes)


2. Evangelho de São João


3. Evangelho de São Marcos


4. As pequenas cartas de São Paulo:


Gálatas


Efésios


Filipenses


Colossenses


1ª e 2ª Tessalonicences


1ª e 2ª Timóteo


Tito


Filêmom


5. Evangelho de São Lucas


6. Atos dos Apóstolos


7. Carta aos Romanos


8. Evangelho de São Mateus


9. 1ª e 2ª Carta aos Coríntios


10. Hebreus


11. Carta de São Tiago


12. 1ª e 2ª Carta de São Pedro


13. 2ª e 3ª Carta de São João


14. Carta de São Judas


15. Apocalipse


16. 1ª Carta de São João (3ª vez)


17. Evangelho de São João (2ª vez)






Padre Jonas Abib

Fundador da Comunidade Canção Nova e Presidente da Fundação João Paulo II. É autor de diversos livros, milhares de palestras em áudio e vídeo. Acesse: wwww.padrejonas.com


Fonte: http://blog.cancaonova.com/riodejaneiro